Sistema digital facilita transferência de veículos

Com a necessidade do isolamento social por conta da pandemia do novo coronavírus, diversos serviços foram interrompidos ou tiveram prazos ampliados, entre eles, os postos do Detran.

Essa paralisação colocou em evidência a urgência de digitalização de processos, como a transferência de propriedade do veículo. Porém, a modernização desse trâmite em todo o país pode estar mais próxima do que imaginamos.

Um projeto piloto que leva o nome de Renave (Registro Nacional de Veículos em Estoque) foi iniciado no fim do ano passado em Santa Catarina e após resultados satisfatórios, será ampliado para mais cinco estados nas próximas semanas: Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Rio Grande do Sul e São Paulo.

O Denatran definirá em parceria com os Detrans o calendário de adoção para cada estado. Por meio de uma certificação digital, o lojista poderá acessar um sistema onde comunicará com o Detran e o Denatran para envio das informações sobre a transferência. Na mesma plataforma, o vendedor assinará o Certificado de Registro de Veículo (CRV) e o lojista emite a nota fiscal.

Feito isso, estão registradas as informações no Renave. A expectativa é o Renave esteja disponível em todo o Brasil ainda este ano.

Recommended Posts

Leave a Comment